logo hth produtos para piscina

Aprenda brincando!

Segurança na piscina é fundamental para garantir a diversão de todos dentro da água. Mas ensinar os procedimentos de segurança e a conduta correta dentro da piscina para uma criança pequena não é exatamente uma tarefa simples.

Por isso, ensine aos pequenos, por meio de brincadeiras e jogos, o modo correto e seguro de nadar e brincar na piscina. Veja:

1a

Um bom fôlego é fundamental para nadar com segurança e confiança na piscina. Para estender essa habilidade para as crianças, apresente uma brincadeira muito simples e divertida para os pequenos: mensagem nas bolhas!

É um jogo muito simples: primeiro, verifique  uma piscina que a criança consiga ficar em pé e depois ,  você submerge sua cabeça na água e faz bolhas com a boca. Ao subir, fale para o pequeno tentar “escutar” as bolhas. Depois, é a vez dele deixar uma mensagem para você. Assim, ele desenvolve a confiança que precisa para nadar e já melhora a respiração embaixo d’água.

blog_sub

Boiar é uma técnica básica de natação, para você se manter confiante e seguro em piscinas fundas. Sendo assim, é indispensável que as crianças saibam essa técnica para nadarem mais tranquilas.

Para ensinar os pequenos a boiar, mostre a eles o modo cachorrinho! Nesse estilo de natação, mais divertido e engraçado, a criança deve mexer os braços na frente do rosto e agitar as pernas para cima e para baixo. No começo, ela vai gastar bastante energia, mas com um tempo praticando esse nado, vai dominar o básico para aprender a boiar. E dica: inicialmente, faça com que a criança use um colete salva vidas. Dessa maneira, ela adquire a segurança e confiança suficientes para nadar livre.

1c

Agora, uma brincadeira com peixes! Dessa vez, para aprimorar o uso dos braços, ensine aos pequenos a brincadeira de “Pegue os peixes!”

Nessa, você e a criança ficam dentro da água: um na frente do outro, à distância de um braço. Você indica que perto das suas mãos estão vários peixes e o trabalho do pequeno é pegar esses peixes. Peça pra ele esticar os braços até as suas mãos e ”puxar” os peixes para perto dele.

Aos poucos, ele vai desenvolver mais força nos braços e poderá nadar com mais confiança e segurança pela piscina.

1d

A nossa última brincadeira será a ”sinal aberto, sinal fechado”. Nessa, você fica fora da piscina e os pequenos devem estar dentro dela, segurando-se na borda. Você indicará para as crianças quando o sinal estará verde, amarelo ou vermelho. Ao falar ”sinal verde!”, as crianças devem bater as pernas o máximo possível. Com o ”sinal amarelo!” elas devem bater as pernas mais lentamente. E com o ”sinal vermelho”, todos devem ficar parados. Perde quem se confundir com os sinais.

E essa brincadeira não tem segredo! O objetivo é estimular e desenvolver o uso das pernas, para propulsão e movimento, essencial para um nado completo e seguro.

Bem, agora que você já aprendeu diversas brincadeiras, está na hora de praticá-las! Junte os pequenos na piscina e aproveite a diversão da água com a segurança que todos precisam! E lembre-se: sempre acompanhe as crianças nas brincadeiras ou deixe alguém mais velho cuidando delas se você não estiver por perto. #PiscinaAproveiteMais

Fontes: Wikihow, Today’s Parent