logo hth produtos para piscina

Como limpar a piscina

4 principais erros com a limpeza da piscina

De fato, é um grande privilégio ter uma piscina de águas cristalinas em casa. Mas você sabe como limpar a piscina de casa a fim de aproveitar o melhor dela? A limpeza e o tratamento da água são primordiais para a manutenção dessa área de lazer. 

Limpeza de piscina

O tratamento químico combinado com a limpeza física garantem uma piscina sempre perfeita para uso, a qualquer hora. No entanto, quando a limpeza não acontece do jeito certo, a tendência é que o tanque seja infestado por sujeiras, germes e algas. 

E certamente que ninguém imagina utilizar esse espaço de recreação sem a devida higiene, não é mesmo? Por isso, conheça aqui no blog da hth® os principais erros de limpeza de uma piscina e como corrigir isso com dicas fáceis!  

Quais os maiores erros que você pode cometer quando não sabe como limpar a piscina?

Quem não conta com tratadores de piscina experientes precisa colocar a “mão na massa” e realizar  tratamento do recinto por conta própria. 

Contudo, sem o conhecimento necessário, por vezes os donos de piscinas acabam errando feio na aplicação dos produtos.

Ou seja, utilizam o produto químico com função incompatível com o objetivo de tratamento. Além disso, alguns donos de piscina exageram na dose aplicada ou aplicam dosagem menor do que a recomendada pelos fabricantes, não levando em conta o volume de água do tanque.

Existem muitos outros equívocos que vamos apontar abaixo. Confira! 

1. Não dissolver os produtos químicos em pó antes de aplicar na piscina

Na hora de tratar sua piscina você não dissolve os produtos químicos em pó em um balde antes da aplicação na água do tanque? Então precisa modificar a forma como executa a limpeza do recinto. 

Alguns tipos de produtos químicos em pó para tratamento de piscina exigem a etapa de dissolução prévia. Isso acontece com substâncias como o hth® Cloro Concentrado tradicional e hth ® Elevador de Alcalinidade, além de outros exemplos.

hth® Cloro Concentrado Tradicional

A dissolução é importante para que não ocorram danos ao revestimento do tanque devido ao alto teor de oxidação. 

Por isso, sempre verifique o rótulo dos produtos e, caso haja a instrução de dissolução, execute essa importante tarefa. 

2. Aplicação de produtos químicos em excesso

Se por um lado a dosagem menor de certas substâncias impedem a ação eficaz delas, por outro, a dosagem extra pode causar outros problemas. Uma piscina com alta dosagem de cloro, por exemplo, é capaz de causar irritação na pele e vermelhidão nos olhos. 

Além disso, a alta concentração de produtos químicos ainda pode acarretar danos e corrosões nos revestimentos e nos equipamentos metálicos. Pensando nisso, nunca dispense a leitura do rótulo dos produtos.

Uma outra dica é realizar as aplicações apenas depois de checar o volume de água existente em sua piscina. Para fazer isso, use a calculadora online de piscina no site da hth®

3. Misturar substâncias químicas diferentes

Em hipótese alguma realize esse tipo de procedimento. Existem vários motivos para isso, mas vamos mencionar apenas dois. 

Primeiramente, a mistura de compostos químicos diferentes provoca reações que podem se tornar um verdadeiro perigo para os tratadores e para os banhistas. 

Da mesma forma, misturar compostos faz com que uma substância interfira na ação da outra. Conclusão: por vezes nem um produto e nem o outro fazem sua função de modo completo e eficiente.

4. Adição de produtos químicos durante o clima quente

A adição de produtos químicos como cloro durante um dia quente o tornará menos eficaz. Isso ocorre porque o cloro forma íons de hipoclorito que, quando expostos à luz ultravioleta do sol, se convertem em gás e são liberados na atmosfera.

Além disso, durante um dia quente, a temperatura da sua piscina aumenta. Assim, você precisará aplicar mais cloro para tratar sua piscina.

Adicione o cloro no tanque durante a noite. Fazer isso quando as temperaturas estão baixas ajuda o cloro a funcionar de forma mais eficaz.

Como limpar a piscina para garantir um espaço de lazer realmente limpo?

Comece o tratamento da piscina sempre prestando atenção ao equilíbrio químico da água. Isso significa avaliar os parâmetros periodicamentoe: pH, alcalinidade, cloro livre e ácido cianúrico. 

Permitir que o pH da sua piscina fique acima de 7.4 torna o cloro menos ativo. Ou seja, o produto perde a capacidade de purificar a água e eliminar os germes, bactérias e algas. 

Então, certifique-se de manter o pH da sua piscina entre 7,0 e 7,4. Verifique a química da sua piscina pelo menos duas vezes por semana durante o verão e pelo menos uma vez durante o inverno.

Para fazer isso, utilize a hth® Fita Teste, que permite avaliar todos os parâmetros de uma única vez em poucos minutos. 

hth® Fita Teste

Limpe o filtro da piscina

Se o filtro (areia) da piscina não estiver limpo, você corre o risco de ter algas crescendo e se acumulando por todo o tanque. Por consequência, isso leva a uma filtragem inadequada, até mesmo danificando o motor da bomba.

A cada semana, faça a retrolavagem do filtro e verifique o estado da areia do filtro. Sempre que a areia se torna compacta (empedrada), ela perde a capacidade de reter impurezas da piscina, necessitando de troca imediata. 

Acione o filtro da piscina e o sistema de bomba por 6 horas diárias

O filtro e a bomba da sua piscina limpam a sujeira da água e também mantém os produtos químicos misturados à água da piscina. 

Acionar esses equipamentos por menos horas por dia pode parecer uma rotina de economia de custos. Mas saiba que essa ação pode custar caro no futuro. 

Por exemplo, quando as algas crescem em sua piscina por causa dessa prática de “redução de custos”, você terá que operar o filtro e bombear 24 horas por dia, 7 dias por semana, até que a água seja recuperada novamente.

Portanto, ligue o filtro e a bomba da sua piscina pelo menos 8 horas por dia para limpar a água de forma eficaz. 

Use os produtos da hth®

Por último, a dica é: use os produtos da hth® para tratar sua piscina e deixá-la com água cristalina e sempre bonita. 

Oferecemos desde elevadores e redutores de pH e alcalinidade até produtos para limpeza de bordas, floculantes, cloro flutuador, algicidas de choque e muito mais!

Conheça a linha de produtos hth® para tratamento de piscinas!